HISTÓRIA DO ESPELHO (ORFEU NEGRO, 2016)

História do Espelho, de Sabine Melchior-Bonnet

::

Revisão de Nuno Quintas. Tradução do francês de José Alfaro. Edição da Orfeu Negro.

::

«Há muitas maneiras de nos vermos ao espelho: com receio, pudor, alegria, complacência, desafio. Podemos procurar semelhanças ou diferenças, afinidades ou estranheza. Construímos nele a nossa imagem, mas também é nele que assistimos à sua destruição.»